Buscar
  • robsoncardoso9

O que envolve um adiamento do ENEM para outros domingos?


Estar preparado, fazer a sua parte e chegar bem para qualquer data, é a missão da Esquema Pro!

Que a pandemia de COVID-19 tem atrapalhado muitas pessoas, muitas empresas e afetando diversas áreas de nossas vidas não é novidade a ninguém e os impactos disso são sentidos literalmente em nosso cotidiano.

Nesta semana, marcada por muitas tragédias espalhadas em nosso país, um debate sobre o adiamento do ENEM toma conta do noticiário nacional em meio a outros problemas relacionados à saúde e a calamidade pública de algumas regiões afetadas com mais intensidade pelo Corona Vírus.

Alguns jovens preocupados com seus futuros, ansioso pela prova, perguntam sobre o adiamento do ENEM, duvidosos depois de que Amazonas, pediu tal adiamento e na tarde desta sexta-feira, dia 15 de janeiro, a Justiça Federal decidiu manter a suspensão da prova pedida pelo Estado.

Justificado devido ao avanço da pandemia e uma piora na constância da ausência de soluções, uma vez que o estoque de oxigênio dos hospitais zero, o adiamento no Estado se tornou plausível.

Outros casos

Não foi o caso de Minas Gerais, que através do Ministério Público Federal também pediu a suspensão do exame, através da 16ª Vara Federal de Belo Horizonte, tendo nas palavras da juíza federal, Rosilene Maria Clemente de Souza Ferreira, tal justificativa: "não há comprovação de fato que evidencie qualquer despreparo dos organizadores do exame no tocante à observância dos procedimentos de higiene, já tão amplamente divulgados pela mídia". Portanto, as provas são mantidas para os dias 17 e 24 de janeiro.

Se por um lado as prefeituras locais são responsáveis pelo transporte das provas e pelo trânsito ao redor dos pontos de aplicação, o presidente do INEP, Alexandre Lopes, instituto responsável pela prova, diz que “não há como assegurar que conseguem fazer aplicações em cidades que vão pedir reaplicação”.

Mas e as implicações dessa judicialização sobre o ENEM?

Se por um lado candidatos, prefeitura e pais de candidatos se movem buscando uma igualdade de oportunidades, que as provas devem ser as mesmas e os prazos de estudos também, para que haja justiça na seleção de jovens em universidades e institutos públicos, o outro lado, também busca se defender na justiça, apontando que se torna inviável uma reaplicação com duros efeitos até mesmo, no início do ano letivo nestes institutos e universidades, prejudicando, como consequência direta, os programas Prouni e Fies.


Neste termo, o debate se estende quando cidades que tenham elevados riscos de contágio que justifique medidas severas de restrição de circulação contra argumentos de que os locais seguirão rígido protocolo de controle e impedimentos quanto a aglomerações.

Contextualizando

A previsão de candidatos para esta edição de domingo próximo, do ENEM, é 5,7 milhões de candidatos espalhados por 1.747 municípios e 14 mil locais de aplicação sendo cerca de 205 mil salas. Por isso, máscaras obrigatoriamente tampando o nariz e a boca, álcool em gel, distanciamento social, são condições básicas para qualquer candidato, enquanto que para os locais de prova, as exigências são:

  • Identificação de candidatos do lado de fora das salas, bem como marcação no piso do local;

  • Contratação de um número maior de salas (cerca de 140 mil na edição passada);

  • Salas com apenas 50% da capacidade máxima;

  • Candidatos idosos, gestantes e lactantes em salas com no máximo 25% da capacidade máxima;

  • Higienização das salas antes e depois do exame.

Enquanto a punição para os candidatos que descumprirem tais exigências é a eliminação do mesmo, a multa para quem descumprir a suspensão da prova é de R$ 100 mil por dia de descumprimento, até o limite de 30 dias.

Fique alerta

Independente do jogo político ou da crise na saúde, o candidato deve chegar firme e consciente do seu papel na prova! O cursinho preparatório para o ENEM na Esquema Pro conta com professores que vivem o mercado de trabalho e lidar com pressões é tirado de letra por eles. Contando com uma “Secretaria de Vestibulares”, os alunos Esquema Pro ficam por dentro das novidades, mudanças, exigências e conseguem focar apenas no conteúdo extensivamente trabalhado em salas climatizadas e reduzidas.

O contexto pandêmico que traz insegurança pode ser um fator contra o candidato e, sabendo disso, nosso material e a turma com no máximo 25 alunos, os banheiros individuais, a disponibilidade de álcool em gel, nossas máscaras personalizadas, garantem sua segurança e trazem a tranquilidade nos estudos!


Garanta seu espaço, seja mais você e estude na Esquema Pro para que, independente da situação, você seja mais você sempre e consiga lutar pelos seus sonhos! Dê um start na sua carreira e venha para o cursinho da Esquema Pro!

O seu plano de vida, passa por aqui!


15 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo